Las imágenes como fuente de memoria: el estudio de caso de la Iglesia de São João Baptista da Foz do Douro

Autores/as

  • Marisa Pereira Faria dos Santos Universidade do Porto, Faculdade de Letras, CITCEM FCT

DOI:

https://doi.org/10.18002/da.v0i20.7024

Palabras clave:

Iglesia de São João Baptista da Foz do Douro, Devociones, Iconografía, Movilidad

Resumen

El culto a Cristo, la Virgen y los Santos influye directamente en la producción y difusión de imágenes, encuadrándose en prácticas y rituales devocionales que marcan el ritmo del paso del tiempo, guiados por las festividades religiosas. Las imágenes están sujetas a una movilidad determinada por las transformaciones de la liturgia, la arquitectura y el espacio urbano. Partiendo del estudio de caso de la Iglesia de São João Baptista da Foz do Douro, buscamos demostrar la importancia que el estudio de las imágenes asume en la comprensión evolutiva del espacio sagrado y el paisaje urbano, así como en la perpetuación de la memoria benedictina y las vivencias de la pesca comunitaria, factores determinantes para el establecimiento de devociones vinculadas a la Orden y la protección de los marineros en este territorio.

Descargas

Los datos de descargas todavía no están disponibles.

Biografía del autor/a

Marisa Pereira Faria dos Santos, Universidade do Porto, Faculdade de Letras, CITCEM FCT

Marisa Santos é investigadora integrada do CITCEM e doutoranda em Estudo do Património (FLUP) com a investigação «S. João Baptista da Foz do Douro. Território, Devoção e Práticas Religiosas e Culturais (séculos XV-XX)», financiada pela FCT (SFRH/BD/145807/2019). Atualmente leciona a UC «Porto: T.D.I» (PEUS). 

É licenciada em História da Arte (FLUP, 2016), tem o curso de mestrado em Estudos Artísticos: Museologia e Curadoria (FBAUP, 2017) e é mestre em História da Arte, Património e Cultura Visual (2018). Estudou música na AMPB, no curso de Guitarra, e fotografia no IPF (Porto).

Citas

Arquivo Distrital do Porto. Registos de memória e demarcação deste Couto de S. João da Foz. Fundo Monástico. PT/ADPRT/MON/CVJFPRT/0036

Arquivo Nacional Torre do Tombo. Memórias Paroquiais: Foz do Douro, Porto. PT/TT/MPRQ/16/139, 1758

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 1, Livro de algumas consideracoenz economicaz por termo da CSS conta memóriaz notaviez a varioz respeictoz, 1780, fl.85-87

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 3, Livro do tombo dos bens da CSS, 1891, fl. 18v

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 5, Livro de tombo dos bens da CSS, 1920, fl.18

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 7, Livro de Inventario da Fabrica da CPA, 1782, fl.6v-15

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 9a, Compromisso & estatutos da CSS, 1720-1766, fl.36v-47v

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 15, Titulos do Santissimo, 1780, fl.161-163

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 17, Livro de esmolas que vao dando os devotos ao SS, 1731-1768, fl.1

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 23, Servira este livro para contas assim da receita como da despeza da CSS, 1844-1867, fl.33

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 36, Livro da factura das obras da CSS, 1781, fl.42

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 52, Livro de Actas da CSS, 1901-1907, fl.17-19v

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 62, Correspondência da CSS, 1867-1890, fl.24v-25

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 104, Diário de Receita e despesa da CPA, 1937-1940, fl.2

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro 165, Certidões e attestados da CSS, 1723-1884, doc.4

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro CSS/11, Documentos importantes da CSS, séc.XIX, fl.8-10

Arquivo Paroquial da Foz do Douro, Livro CSS/61, Documentos vários, doc.8, fl.44v-45

BELTING, Hans. Antropologia da Imagem. Lisboa: KKYM + EAUM. 2014

BARROCA, Mário Jorge. As fortificações do litoral portuense, Lisboa, Inapa, 2001

BASTO, A. de Magalhães. Silva de história e arte: notícias portucalenses, Porto: Livraria Progredior, 1945

CÂMARA Municipal de Matosinhos (1978). Matosinhos em textos medievais: até D. Afonso III. Matosinhos: Biblioteca Municipal de Matosinhos Florbela Espanca, 1978

FERNANDES, José. A Foz: contributo para o estudo do espaço urbano do Porto, Porto, Universidade do Porto. Faculdade de Letras, 1985

MAIA, Sebastião. Onde o rio acaba e a foz do Douro começa, Porto, O Progresso da Foz, 1988

MOURA, Nuno Augusto. A Foz do Douro: evolução Urbana, Porto, [Edição do Autor] , 2009

MOREIRA, Rafael. “Um exemplo: São João da Foz, de igreja a fortaleza”. En A Arquitectura militar na expansão portuguesa, coord. por Francisco Paulino. Porto: C.N.C.D.P, 1994

OSÓRIO, Rui. Foz do Douro de 1216 a 2016: 800 anos da Paróquia de São João Baptista, Porto, Paróquia de São João Baptista da Foz do Douro, 2015

OSÓRIO, Isabel. “A intervenção arqueológica no castelo de São João da Foz. Novos elementos para a reconstituição dos espaços”. En A Arquitectura militar na expansão portuguesa, coord. por Francisco Paulino. Porto: C.N.C.D.P, 1994, pp. 71-80.

RÉAU, Louis. Iconografía del arte cristiano, Vol.3, Barcelona, Ediciones del Serbal, 2002

RÉAU, Louis. Iconografía del arte cristiano, Vol.4, Barcelona, Ediciones del Serbal, 2008

[S.a]. Procissão do Senhor dos Passos da Foz do Douro [conteúdo de bobine transferida para DVD]. Igreja Paroquial de São João da Foz [sem distribuição], 2008

[S.a]. A Vedeta da Liberdade, nº 96, 21 de agosto de 1835, s. p

SILVA, Armando, “As Origens do Porto”. En História do Porto, coord. por Luís Ramos, 44-117. Porto: Porto Editora, 1994

Publicado

2021-11-01

Número

Sección

Artículos